Notícias

Dirigentes das centrais sindicais União Geral dos Trabalhadores, (UGT), CTB, Força Sindical, CUT e Nova Central (NCST) discutiram, em reunião no dia 25 de setembro, a elaboração de uma pauta única de mobilizações para denunciar as consequências da Lei Trabalhista, que entrará em vigor no dia 11 de novembro e os prejuízos que ela trará aos trabalhadores.

Centrais-Previdencia

Durante os debates, também ficou acertado que as centrais irão realizar uma grande mobilização no sentido de evitar que o projeto de Reforma da Previdência seja aprovado pelo Congresso como foi encaminhado pelo Governo.

Durante a reunião, que contou com a presença do presidente do Dieese, foi discutida a necessidade de se encontrar uma maneira de apoiar o órgão na reestruturação que está sendo implantada, em face da nova realidade econômica do país.

Os sindicalistas também aprovaram a realização de um encontro nacional do setor de transporte público, com o objetivo de organizar as ações de forma unitária, isso porque de acordo com os sindicalistas, esse é um dos mais importantes e estratégicos ramos de atividade profissional do País.

Ao final da reunião os dirigentes das centrais aprovaram a realização de novas reuniões para definir as ações unitária das centrais.

0
0
0
s2smodern

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar