Notícias

Estudo PoderData revela que mulheres (51%), jovens de 16 a 24 anos (60%) e pessoas com ensino superior (53%) o culpam

 

Para 44% dos brasileiros, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é o maior responsável pelo nível a que chegou a crise da covid-19 no país. O dado foi revelado em uma pesquisa do PoderData aplicada entre os dias 29 e 31 de março e tem margem de erro de 1,8 ponto percentual para mais ou para menos.

O estudo mostra ainda que 23% da população credita o caos sanitário às pessoas que desrespeitam as regras de biossegurança recomendadas pelos especialistas, enquanto 16% culpam o governador do seu estado.

Outros 8% consideram que os prefeitos seriam os responsáveis pela atual crise da pandemia, 4% afirmam que seria o Ministério da Saúde e 5% escolheram a categoria “outros” para apontar os culpados.

O levantamento pesquisou um universo de 3.500 pessoas em 541 municípios dos 26 estados e do Distrito Federal. O estudou traz também um fatiamento das pessoas entrevistadas considerando, por exemplo, quem são aquelas que mais culpam Bolsonaro pela crise.

Entre as mulheres, 51% estão no grupo, enquanto o percentual de jovens de 16 a 24 anos que se coadunam com esse entendimento é de 60%. Moradores da região Norte (59%), pessoas com ensino superior (53%) e trabalhadores que recebem entre dois e cinco salários mínimos (61%) também integram o rol.

Já os que menos responsabilizam o presidente da República são: homens (36%), adultos com idade entre 25 e 44 anos (35%), moradores das regiões Centro-Oeste e Nordeste (38%), pessoas com ensino fundamental (36%) e trabalhadores com renda de até dois salários mínimos (37%).

Quando se estratifica o levantamento considerando os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, a pesquisa observou que somente 7% consideram que ele seria o maior culpado pela crise.

Outros 38% apontam que a responsabilidade seria das pessoas que não seguem as regras sanitárias e 35% dos entrevistados culpam os governadores de seus estados. Já entre aqueles brasileiros que rejeitam o presidente, 71% o consideram como o maior culpado.

Fonte: Brasil de Fato | Brasília (DF)

0
0
0
s2smodern

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar