Telemarketing notícias

O Sindicato conseguiu garantir, no dia 03 de fevereiro, que a Vikstar quitasse seus débitos trabalhistas com centenas de trabalhadores que foram desligados e, no dia 06,  durante  a mesa redonda de negociação de quitação dos salários e rescisões, que aconteceu na Superintendência Regional do Trabalho (Ministério do Trabalho), o Sintratel requereu o apoio dos órgão de fiscalização para a manutenção das ações em benefício da quitação dos salários, rescisões e emprego, em condições regulares para os mais de três mil empregos (as) da VIKSTAR em São Paulo.

Após peticionar os autos dos processos 1129260-46.2019.8.26.0100 e 1129233-63.2019.8.26.0100, em trâmite na 22ª Vara Cível do Foro Central da Capital/SP Civil, o Sintratel buscou a prioridade de reserva de quaisquer recursos financeiros da empresa VIKSTAR, para a manutenção dos direitos trabalhistas, acompanhando a audiência, sem arredar pé, até que o juiz julgasse a favor da manutenção das garantias de emprego e renda dos funcionários representados pelo sindicato.

A luta do Sintratel é justa e deve ser feita com as garantias da CLT, para a manutenção do cumprimento da Convenção Coletiva 2019, no que diz respeito ao pagamento de salários, rescisões e multas por atraso na quitação destas verbas de 10% sob o valor do montante de cada um dos atrasos ocorridos. O Sintratel requereu posição da empresa sobre o pagamento das multas por atraso e a mesma propôs a seguintes medidas;

PAGAMENTO DAS MULTAS POR ATRASO NAS VERBAS SALARIAS E PARCELAS DE RESCISÕES ACORDADAS:

A MULTA de 10% em razão do   atraso salarial da folha de Dezembro paga em janeiro dos empregados ativos deverá ser quitado ATÉ  20 de FEVEREIRO.

A MULTA de 10% em razão do atraso salarial da folha de Janeiro paga em Fevereiro deverá ser quitada nas condições acordadas com os empregados até o dia 15 de Fevereiro durante assembleias para debater e deliberar as condições de quitação.

A MULTA de 10% em razão de qualquer atraso durante o parcelamento das verbas rescisórias acordadas deverá ser pago em parcela Única a título de última parcela como quitação complementar juntamente com quaisquer ressalvas apontadas pelos requerentes a partir de Março de 2020.

O Sintratel compreende a importância da manutenção do emprego, diante da grave crise econômica que vivemos no Brasil. Hoje temos 12,4% de desempregados, atingindo 13,1 milhões de pessoas, ou seja, 1 em cada 4 trabalhadores está sem emprego, além disso, 40 milhões de pessoas estão na informalidade fazendo bico ou com ocupação sem registro na carteira. Nesse cenário, procuramos agir com responsabilidade para que sejam respeitados todos os direitos trabalhistas aos demitidos. Outro ponto que o sindicato não abre mão é o de exigir o cumprimento da legislação para os demais que estão trabalhando e cumprindo sua parte para que a empresa continue atuando e prestando serviços no mercado de Call center.

GARANTIA DE EMPREGO  COM SALÁRIO E PAGAMENTO EM  DIA DOS  PARCELAMENTOS

 Sobre  os/as  funcionários(as) desligados(as): 

 O  Sintratel  exige  o cumprimento do acordo coletivo de quitação dos desligados, afinal todos tem  direito ao parcelamento em dia e sem custa advocatícia assim, a entidade está impetrando novas medidas judiciais inclusive com a fiscalização da SRTE e a ações de cumprimento do acordo coletivo continuará em curso evitando novos atrasos e protegendo os interesses de centenas de pessoas com assistência jurídica a assessoria na defesa de seus interesses gratuitamente.

Sobre os/as funcionários (as) ativos(as)

O Sintratel  está adotando também  junto aos órgão trabalhistas ações a fim de exigir o cumprimento da Convenção Coletiva com a garantia  de salários e benefícios nas condições e datas previstas na lei, queremos condições de trabalho e faremos todas as ações possíveis para exigir PRIORIDADE para os assalariados da VIKSTAR que não podem ser prejudicados por credores ou qualquer outro motivo pois  a legislação garante trabalha e salário regular para todos e todas.

 

Fonte: Secretaria de Imprensa e Comunicação: Sintratel

0
0
0
s2smodern

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar